Fazer uma reforma de casa requer muito planejamento, dedicação e disciplina. E essas qualidades não costumam vir sem ajuda.

Se você quer reformar seu apê e não sabe o que fazer para realizar o seu sonho de forma adequada, está no lugar certo.

Nesse conteúdo vamos te contar o passo a passo para fazer sua reforma, desde o planejamento, orçamento e primeiros passos, até as etapas da obra, para que você consiga tirar o seu projeto do papel sem dor de cabeça e prejuízos financeiros.

reforma de casa
Foto de Nothing Ahead no Pexels

Confira:

Primeiros passos para uma reforma de casa

Na hora de fazer uma reforma de casa, pode ser muito fácil se perder no meio de tanta coisa para resolver, e isso pode facilmente virar uma grande dor de cabeça. Por isso, antes de começar a sua, é bom respirar fundo e organizar os primeiros passos.

A primeira etapa, e talvez a mais importante de uma obra é o planejamento, já que sem ele você não vai conseguir reformar nada.

Portanto, se você se confundiu com tudo que tem que ser mudado na casa, coloque isso em detalhes no papel, e planeje cada parte de forma consciente. Esse passo simples vai te poupar muito dinheiro e stress durante a obra.

Feito o planejamento, é hora de saber quanto tudo vai custar, então nesse momento você deve fazer um orçamento de todos os gastos.

Tenha certeza de orçar todos os materiais necessários, desde mão-de-obra de construção, profissionais adicionais (como arquitetos e eletricistas), até custos extras com outros serviços e até mesmo imprevistos.

Tudo isso deve ser posto na ponta do lápis antes de você colocar o primeiro tijolo no chão.

Como planejar uma reforma de sucesso?

Como planejar uma reforma
Foto de Anete Lusina no Pexels

Passados os primeiros passos, agora é hora de otimizar o seu planejamento, para que a obra aconteça da melhor forma possível, e com o máximo de agilidade.

Para isso, tenha em mente que uma reforma de casa é um projeto complexo, então se dedique a ele com compromisso e paciência. Algumas coisas podem demorar a acontecer, e a sua casa não vai ficar pronta da noite para o dia.

Dito isso, tenha disciplina e foco para saber que qualquer gasto que esteja fora do orçamento e não seja um imprevisto deve ser eliminado.

Então, nada de comprar aquela torneira extra só porque é bonita ou querer arrumar um outro canto da casa depois que a obra já começou. Seja consciente e tenha auto controle.

Também é importante lembrar que uma reforma de sucesso envolve bons profissionais e demanda o melhor serviço. Então tenha sempre alguém gabaritado para te orientar durante toda a obra, e se possível, questione os profissionais e cobre a melhor entrega deles sempre.

As principais etapas de uma reforma de casa

principais etapas de uma reforma
Foto de Blue Bird no Pexels

Depois de feitos o planejamento e o orçamento, é hora de se preparar para colocar a mão na massa. Por isso vamos te ajudar listando as principais etapas de uma reforma de casa, para que você não se perca no andamento de cada uma.

Confira o passo a passo:

  1. Retirada e proteção dos móveis;
  2. Demolição;
  3. Construção e Infraestrutura;
  4. Revestimentos e forros;
  5. Pintura (primeira demão);
  6. Piso;
  7. Pintura (segunda demão);
  8. Marmoraria, marcenaria e afins.

Vale lembrar que a partir do passo 4, as etapas não precisam ser feitas exatamente na ordem, e em alguns casos podem ser executadas até mesmo em paralelo; tudo depende dos prazos e planejamento da sua obra.

Como gastar pouco na reforma de casa?

gastar pouco na reforma
Foto de Karolina Grabowska no Pexels

Mesmo com um bom planejamento e orçamento cuidadoso, na sua reforma de casa ainda podem existir imprevistos que precisam ser resolvidos com dinheiro. Por isso, economizar nunca é demais.

Para fazer uma reforma gastando o mínimo possível, é ideal ser muito consciente nas escolhas que você faz, pois elas é que vão dar o rumo das suas despesas.

Então, decisões simples como contratar um arquiteto em início de carreira (eles costumam cobram menos), ou acompanhar a sua obra de perto para evitar golpes ou gastos com coisas desnecessárias são passos simples e essenciais, que vão garantir que você faça tudo com economia.

Escolhas estratégicas como trocar o revestimento de alguns cômodos por uma pintura, ou usar pisos com estéticas parecidas às de materiais mais caros são outras opções que também podem diminuir a conta final da obra.

Dicas ao contratar profissionais para a sua reforma

Dicas ao contratar profissionais
Foto de Mikael Blomkvist no Pexels

Com toda a preocupação envolvendo a obra e o andamento da sua reforma de casa, você pode acabar não dando muita atenção a escolha de profissionais, e existem algumas dicas que podem te ajudar a economizar até nesse processo.

Por isso, ao contratar a mão de obra, prefira sempre profissionais de confiança, de preferência por indicação de alguém, e evite usar intermediários, como empreiteiros. O ideal é sempre contratar os profissionais diretamente.

Também é importante lembrar que a maioria dos profissionais costuma cobrar em espécie, por isso, se certifique de sempre separar uma quantia em dinheiro para fazer esses pagamentos.

Curtiu esse conteúdo? Essas dicas te ajudaram? Então conta para a gente nos comentários. E continue acompanhando nossos textos semanais sobre casa e reforma.