Cozinha

Revestimento para cozinha: veja como escolher o tipo certo

revestimento para cozinha

Revestimento para cozinha é um item que pode confundir muita gente na hora de uma reforma ou obra, e existem alguns segredos muito importantes na hora de escolher um tipo.

Quer saber quais são eles? Então não pare de ler. Nesse conteúdo vamos te contar onde colocar revestimento na sua cozinha, como escolher o melhor tipo, como economizar no material e muito mais.

revestimento para cozinha
Foto de Pavel Danilyuk no Pexels

Confira logo abaixo:

É necessário revestir a cozinha?

No processo de reforma ou renovação de um ambiente, escolher o revestimento da cozinha é uma tarefa que você vai enfrentar, e por isso é importante saber fazer do jeito certo.

Mas com tantas opções de decoração e os preços de materiais aumentando, será que é realmente necessário revestir esse espaço?

E a resposta é: depende. Tudo pode variar conforme o estilo que você escolheu para o espaço.

A coisa a ter em mente aqui, é que alguns locais da sua cozinha não precisam de revestimento completo, como paredes soltas, por exemplo. O lugar que realmente deve ser revestido é a bancada acima da pia e do seu fogão.

Por conta disso, você pode economizar muito dinheiro focando em revestir a sua bancada, e optar por outras decorações no resto do ambiente, como fazer uma pintura mais pesada. Isso tudo sem esquecer do piso do chão, é claro.

O essencial é saber que, ao contrário do que você pode pensar, não é preciso revestir todo o espaço da cozinha, e isso pode te poupar muito trabalho e dinheiro.

Mas como escolher o revestimento das partes essenciais? É o que vamos ver a seguir.

Como escolher o melhor revestimento para cozinha?

escolher o melhor revestimento
Foto de Curtis Adams no Pexels

Apesar desse ambiente não precisar de muito material, no final do dia você ainda terá que escolher um bom revestimento para cozinha, mesmo que seja para partes específicas.

Por conta disso, antes de escolher o seu, lembre-se de se atentar para alguns detalhes de decoração, como:

  1. Escolha da paleta de cores da cozinha;
  2. Escolha do local em que vai cada cor;
  3. Definir os revestimentos e acabamentos que serão usados;
  4. Montar um projeto de decoração.

Seguindo essas dicas de antemão, você vai conseguir fazer a melhor escolha e ver o que melhor se encaixa no seu ambiente, mas nunca esqueça de levar isso em conta na hora de comprar o material.

Visitar a loja com todos os pontos acima em mente, vai te poupar tempo na escolha das peças, e evitar distrações ou mesmo gastos indesejados. Então siga todos os passos.

5 tipos de revestimento para cozinha

5 tipos de revestimento
Foto de cottonbro no Pexels

Na arrumação do material do seu espaço, existem dois tipos de revestimento para cozinha que serão mais usados, os de parede (ou de bancada), e o do chão. Por isso, é importante saber bem qual usar em cada lugar.

Confira 5 tipos de revestimentos para esses dois espaços:

  • Adesivos de azulejo ou ladrilho – Essas opções são perfeitas para revestir somente a sua bancada, ou o espaço acima da pia e do fogão;
  • Acabamento em tijolos – Cada vez mais comuns em decorações modernas, esse tipo de acabamento rústico funciona muito bem em paredes isoladas e até em pontos mobiliados da sua casa, você só precisa de criatividade;
  • Porcelanato – Esses são os tipos mais comuns para revestir o chão da cozinha, e também podem ser usados nas paredes. Mas tenha cuidado na escolha do acabamento;
  • Piso vinílico – Eles são muito versáteis, faceis de aplicar e dão um tom mais sóbrio à sua cozinha, mas exigem cuidados com a limpeza;
  • Pisos com toques amadeirados – Esse tipo de revestimento costuma ser feito em cerâmica, e pode ser uma boa opção se você quer dar um toque de madeira ao ambiente sem precisar gastar muito.

Qual o melhor revestimento para a parede da cozinha?

revestimento para a parede
Foto de Curtis Adams no Pexels

Se leu até aqui, você já aprendeu que o revestimento para cozinha não precisa cobrir todo o cômodo, mas isso não te impede de querer fazer isso.

Por isso, se você quer saber qual o melhor tipo de revestimento para paredes, saiba que azulejos e pisos cerâmicos são as opções mais tradicionais.

Como são revestimentos atemporais, eles costumam cair bem em quase qualquer estilo, e atendem às suas necessidades mesmo naqueles espaços que precisam de mais cuidado com limpeza, além de serem visualmente atraentes e elegantes. Veja alguns exemplos.

Para cobrir as bancadas, você também pode optar por pastilhas ou peças de vidro espelhado, elas são ótimas para a limpeza e ainda adicionam um toque visual muito agradável à sua cozinha.

Truques com revestimentos para cozinha pequena

Truques com revestimentos
Foto de jean van der Meulen no Pexels

Agora você já sabe como escolher o tipo certo de revestimento para cozinha, e já aprendeu que pode economizar na escolha e alocação do material. Mas se você tem uma cozinha pequena, vai adorar as dicas extras que vamos dar a seguir. Veja só:

  1. Foque em revestir apenas pontos estratégicos da cozinha, de preferência algum que chame atenção. Isso vai ajudar a compor o visual do ambiente sem precisar de muitos gastos com material;
  2. Use pastilhas e azulejos adesivos, principalmente acima da bancada. Eles são mais compactos e fáceis de instalar, e combinam perfeitamente com o tamanho do seu espaço.

Curtiu esse conteúdo? Então conte para a gente nos comentários. E não esqueça de ler os outros textos que preparamos para você sobre casa e decoração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar...